atti! comunicação e ideias
atendimento@atticomunicacao.com.br / 11 3729.1455 | 3729.1456

Atti comunicação e idéias

Itinerância da 3a Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental começa em outubro

Itinerância da 3a Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental começa em outubro


***O festival vai percorrer 17 cidades até 14 de novembro com os melhores filmes sobre questões socioambientais

A Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental chegou à sua terceira edição em 2014 e exibiu em março os mais importantes filmes internacionais e brasileiros sobres questões socioambientais, premiados em grandes festivais. A partir de 18 de outubro, 28 desses filmes vão compor a Itinerância da mostra, que vai percorrer 8 unidades do Sesc na capital e 16 cidades do interior de São Paulo, com sessões gratuitas e debates com especialistas em diversas áreas e cineastas.

Dentre os destaques da programação, estão “A Escala Humana” (Dinamarca), de Andreas M. Dalsgaard; “Blackfish - Fúria Animal” (EUA), dirigido por Gabriela Cowperthwaite; “Trashed – Para Onde Vai o Nosso Lixo?” (Reino Unido), de Candida Brady; “A Crise Global da Água” (EUA), de Jessica Yu; “A Síndrome de Veneza” (Itália), de Andreas Pichler; “Metamorphosen” (Alemanha), de Sebastian Mez; e os vencedores da mostra Competitiva Latino-Americana: “Deserto Verde” (Argentina), de Ulises de la Orden, que levou o prêmio do Júri de Melhor Filme; e “Amazônia Desconhecida” (Brasil), de Daniel Augusto e Eduardo Rajabally, ganhador do Prêmio do Público.

A mostra itinerante vai contemplar também uma programação de filmes infantis, sessões especiais para escolas e um circuito universitário, além da realização de 18 debates. Os filmes serão exibidos em unidades do Sesc, salas de cinema, centros culturais, universidades, escolas e espaços públicos; nas cidades de Araraquara, Bauru, Birigui, Bragança Paulista, Campinas, Catanduva, Cubatão, Itu, Osasco, Piracicaba, Presidente Prudente, São Carlos, São José dos Campos, São Paulo, Sorocaba, Santos e Taubaté.

Em Bragança Paulista, Santos, Sorocaba e Cubatão, a Mostra Ecofalante vai promover um programa de formação continuada para professores e coordenadores pedagógicos sobre o uso de filmes como material didático e atividades relacionadas à gestão de resíduos sólidos. As aulas e orientações técnicas serão ministradas pelos professores e especialistas Claudio Aguiar Almeida e Gina Rizpah Besen.


Mostra Competitiva

Desde 2012, a Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental já exibiu mais de 170 filmes e contabiliza um público de mais de 30 mil espectadores em todas as edições realizadas na capital e no interior, tornando-se um dos maiores festivais do Brasil sobre as questões socioambientais.

Neste ano, foi realizada pela primeira vez uma mostra competitiva com filmes latino-americanos. O objetivo foi promover a integração e o intercâmbio entre os realizadores e abrir espaço para debates sobre temas ambientais de todo o continente. Ao todo, foram inscritos mais de 100 filmes latinos e selecionadas obras da Argentina, Bolívia, Brasil, Chile, Equador, México, Peru e Uruguai.

O júri, composto por Evaldo Mocarzel, Paulina Chamorro e Fabio Luiz Vasconcelos, premiou como Melhor Filme o argentino “Deserto Verde”, de Ulises de la Orden. A obra trata sobre o uso de agrotóxicos e fomenta a discussão sobre segurança alimentar e o uso da terra, em uma denúncia contra o descaso com a saúde. O Prêmio do Público foi concedido ao longa-metragem brasileiro “Amazônia Desconhecida”, de Daniel Augusto e Eduardo Rajabally, que enfoca os conflitos da região amazônica.

Além das produções latinas, foram apresentados filmes de 19 países, como Alemanha, Bélgica, Camboja, Canadá, China, Croácia, Dinamarca, Espanha, Estados Unidos, França, Grécia, Holanda, Índia, Japão, Luxemburgo, Reino Unido, Suécia, Suíça e Turquia.

“A Mostra Ecofalante é uma plataforma de informação e conhecimento que discute questões importantes a partir de uma produção audiovisual que não chegava às salas brasileiras”, explica Chico Guariba, diretor da Mostra. “É uma oportunidade única de assistir a estes filmes e um espaço para promover o debate e a reflexão sobre questões do nosso dia a dia.”

A Itinerância é realizada por meio de uma parceria entre a Ecofalante e o Sesc São Paulo, com patrocínio da Reciclo PepsiCo, White Martins, Eaton, Santher, Mondelez, e apoio do Governo do Estado de São Paulo – Secretaria da Cultura – Programa de Ação Cultural 2013.

atti comunicação
Volta para lista de notícias
atti comunicação e ideias